06/06/19

Boletim Nº 44/2019 (06 de junho)

Boletim N° 44 - SP 06/06/2019

Gestão: Sempre na Luta! Piqueteiros e Lutadores - 2017/2019

Assembleia Aprova por Unanimidade: GREVE GERAL DIA 14/6!

A Assembleia dos trabalhadores da USP aprovou por unanimidade a construção da Greve Geral que esta sendo convocada pelas Centrais Sindicais para o dia 14 de junho contra a Reforma da Previdência. Várias categorias no país já aprovaram a participação naquela que pode ser a maior ação da classe trabalhadora brasileira desde o dia 28 de abril de 2017, em que realizamos a maior Greve Geral deste país. Na região Oeste/Butantã, no dia 14/6, iremos nos concentrar no PORTÃO 1 da USP, às 5h30 da manhã.

O governo Bolsonaro que representa os interesses dos patrões tenta descarregar a crise nas costas dos trabalhadores, aprovando uma Reforma da Previdência que retira direitos históricos e pretende acabar com a Previdência Pública e Solidária, fazendo com que trabalhemos até morrer. Além disso, sua política faz crescer a crise econômica e o aumento do desemprego que atinge principalmente a juventude. Portanto é necessário lutar pela divisão das horas de trabalho sem a redução salarial para termos pleno emprego!

Os cortes na educação, ciência e tecnologia fizeram com que cerca de 2 milhões de estudantes, professores, e trabalhadores em geral fossem às ruas protestar contra os cortes e contra a Reforma da Previdência.

As manifestações dos dias 15 e 30 de Maio foram os primeiros passos para organizar a GREVE GERAL de 14/6.
Não aceitaremos nenhuma negociação dos nossos direitos, somos contra qualquer reforma da previdência pretendida pelo pacto anunciado entre o governo Bolsonaro, o legislativo e o judiciário.

As Centrais Sindicais têm que organizar Assembleias de base nas diversas categorias até o dia 14/6, que deve ser um dia de greve ativa, além de constituir um Comando Nacional de mobilização com representantes eleitos nos locais de trabalho!

Aqui na Zona Oeste/Butantã vamos nos concentrar no Portão 1 da USP, às 5h30 e sair em passeata pela Av. Vital Brasil etc.

NOSSA ASSEMBLEIA APONTA PARA A CONTINUIDADE DA LUTA APÓS O DIA 14/6

Nossa Assembleia de ontem (5/6) apontou para que a luta continue após a Greve Geral de 14/6 até que a Reforma da Previdência e os ataques à Educação sejam derrotados, indicando às Centrais Sindicais, ao Movimento Estudantil e ao Movimento popular:

  1. Dia 28/6 uma reedição do Movimento Ocupa Brasília de 2017, com caravanas de todo o país que irão ao Congresso Nacional e ao Palácio da Alvorada!
  2. Marcar uma GREVE GERAL POR TEMPO INDETERMINADO!

CAMPANHA SALARIAL 2019

Os trabalhadores da Unicamp e de dois campi da UNESP aprovaram greve a partir de 6/6 contra o mísero reajuste de 2,2% que o CRUESP ofereceu. Na UNESP, sequer 2,2% o Reitor Sandro comprometeu-se a garantir. Um verdadeiro absurdo contra os trabalhadores que cotidianamente fazem essa Universidade funcionar! Diante disso, a assembleia dos trabalhadores da USP aprovou articular um calendário de ações junto com as demais entidades do Fórum das Seis em apoio à luta das demais estaduais paulistas.

Na USP, o Reitor Vahan comprometeu-se a iniciar a discussão acerca da pauta especifica após a reunião do Conselho Universitário, 11/6, que irá deliberar sobre a proposta de 2,2% feita pelo CRUESP. Os representantes do SINTUSP irão defender o reajuste imediato de 8% e um plano de recuperação das perdas acumuladas.

A Comissão de Orçamento e Patrimônio já se manifestou negando sequer o reajuste de 2,2%.

A assembleia também aprovou o indicativo de paralisação e ato em frente à Reitoria na primeira negociação da pauta específica. É necessário que todas as reuniões de unidade discutam esse indicativo para organizarmos uma forte paralisação e ato para exigirmos um reajuste nos arrochados VA e VR e o pagamento dos descontos efetuados na greve de 2016 mediante compensação de horas.


CALENDÁRIO DE PANFLETAGENS NA REGIÃO OESTE/BUTANTÃ

  • Sexta (07/06) às 7h – Telemarketing da Lapa. Concentração nas catracas da estação lapa da linha rubi da CPTM
  • Segunda (10/06) às 11h – CRUSP e bandejões. Concentração no bandejão central
  • Terça (11/06) às 3h45 – Garagem da Gato Preto Jaguaré. Concentração direto lá.
  • Terça (11/06) às 6h – Avenida Rio Pequeno. Concentração no cruzamento com a Avenida Corifeu.
  • Terça (11/06) às 13h – Palmolive/Colgate. Concentração 12h30 no SINTUSP.
  • Quinta (13/06) às 17h – Terminal Pinheiros. Concentração direto lá.

Vamos à Luta

Estes coletes foram lançados pelos metroviários e estão sendo espalhados por todo o país, orientamos a todas e todos que os utilizem durante todas esta semana contra a reforma da Previdência e em defesa da Educação Pública! Procure o sindicato ou o cdbista de sua unidade para ter o seu pelo valor de apenas R$10,00.

 


Ato e Aula Pública em Defesa da Educação

Dia 06 de junho

Concentração 15h -- Início 16h

Largo da Batata

Falas confirmadas:

--- Paulo Arantes ---

--- Vladimir Safatle ---

--- Helena Silvestre ---

http://bit.ly/2WoHnMr


REINTEGRAÇÃO DO BRANDÃO E RETIRADA DOS PROCESSOS!